Reforma desnecessária.


















REFORMA ORTOGRÁFICA
A mais recente reforma ortográfica assinada dias atrás pelo presidente
da república, levantou algumas questões de nível cultural e até agora,
continuam discutindo as razões para tal acontecimento. Alguns dizem
que tudo não passa de uma balela e que o objetivo principal é dar uma
forcinha as editoras que publicam dicionários.

Outros comentam que reformas mais importantes deveriam ser
aprovadas já que estamos carentes de leis mais rígidas e menos
benevolentes no campo da justiça . Temos também no lado da saúde
e previdência um pedido de socorro para serem reformadas.Pelo lado
do cidadão comum, nada se altera porque grande parte é analfabeto.

Outra grande porcentagem maior ainda que os analfabetos são os
semi-analfabetos.Gente que escreve "iço" por isso, "nóis" por nós e
assim por diante.Entre em algum fórum na internet e comprove.

Há milhares deles.Por outro lado estamos tão preocupados com essa
reforma quanto os bandidos estão com a lei do desarmamento.Há
inclusive escritores que se negam a seguir as novas regras. A última
reforma ainda não foi absorvida pela população.As letras K, Y e W na
verdade nunca foram deixadas de serem usadas.

O governo deveria se preocupar mais com os problemas sérios que
assolam a população, do que ficar fazendo charme com coisinhas que
menos entende,e escapar de ser alvo de gozação geral.E assim,cada
um que escreva como quiser e como achar melhor.Sejamos um fora
da lei, curtindo a impunidade, em uma terra de ignorantes.
Posted by Picasa

2 comentários:

Catarino disse...

O grande motivo deve ser a produção de livros com a nova regra, vai dar lucros para os "amigos".
Na verdade sempre temos dúvida ao escrever e como você disse a grande maioria não sabe escrever nem o básico.

Reinaldo Barros. disse...

Você mencionou bem, quanto a nossa dúvida ao escrever.Já não temos mais onde recorrer , pois a partir de agora todo dicionário ja publicado, está desatualizado.